'

domingo, 28 de junho de 2015

"-Às vezes sinto falta de mim. -Eu também, menina. -Sente falta de si? -Não, de você. E dói. [Silêncio] -Me abraça? -Sempre."


Caio Fernando Abreu

Nenhum comentário :

Postar um comentário