'

terça-feira, 29 de novembro de 2016

"Já entrei contigo em comunicação tão forte que deixei de existir sendo. Tu tornas-te um eu. É tão difícil falar e dizer coisas que nunca podem ser ditas. É tão silencioso. Como traduzir o silêncio do encontro real, entre nós dois Dificílimo contar: olhei para você fixamente por uns instantes, tais momentos são meu segredo. Houve o que se chama de comunhão perfeita..Eu chamo isso de estado agudo de felicidade."


Clarice Lispector

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

"Eu vou ficar esperando você numa tarde cinzenta de inverno, bem no meio duma praça, então os meus braços não vão ser suficientes para abraçar você e a minha voz vai querer dizer tanta, mas tanta coisa, que eu vou ficar calada um tempo enorme, só olhando você, sem dizer nada! Só olhando e pensando: Meu Deus, mas como você me dói de vez em quando." 


Caio Fernando Abreu

domingo, 20 de novembro de 2016

"Ô minha filha, as suas dores não são as maiores do mundo e nem vão ser. Sacode a poeira. Toma um banho de rio. Abre essas asas. Grita alto, chora baixo. Pula alto e cai de cara. Desenha toda a beleza do mundo. Compra uma caixa de lápis de cor e sai aí colorindo a vida."




Tati Bernardi

sábado, 12 de novembro de 2016

"E eu te preciso, sei que preciso, não por solidão ou por necessidade, mas por amor, por gostar, por querer."


Cáh Morandi



domingo, 6 de novembro de 2016

sábado, 29 de outubro de 2016

"É lindo demais.
É atrevido demais.
É novo, sadio.
Deu uma luz na minha cabeça, sabe quando a coisa te ilumina?!?


Caio Fernando Abreu

sexta-feira, 28 de outubro de 2016


“Quem não é visto não é lembrado.
Longe dos olhos, longe do coração. Pois é.”


Caio Fernando Abreu

domingo, 16 de outubro de 2016

"Fala baixinho, amor, que os trapaceiros estão por aí querendo descobrir esse elixir que sai de nossos lábios unidos. Eu preciso ouvir outra vez suas palavras calmas e pausadas sendo sussurradas em meu ouvido sem nenhuma interrupção. Deixa a luz do quarto apagada, entra debaixo dos cobertores, porque a gente se vê melhor de olhos fechados. Fecha as cortinas e vem se isolar da rua comigo. Faz muito tempo que eu só quero existir para você."



Fernanda Mello


terça-feira, 11 de outubro de 2016

'Mesmo tornando-me mulher, meu coração nunca acompanhou meu crescimento, é que percebi que quanto menor ele fosse melhor caberia o mundo dentro. Quero ser menina sempre! Coração pequenino assim cabe tudo... tem mais vontade de sonhos, tem mais espaço pra fé!' 

                                                   Erikah Azzevedo